OLHO DE PEIXE NO PÉ | TRATAMENTOS E CUIDADOS

olho de peixe no pe

A verruga plantar ou comumente chamada de Olho de Peixe, é um espessamento da pele que se eleva. Tem coloração amarelada e apresenta um ou mais pontos negros na região central. É causada quando a pele entra em contato com o vírus HPV e deve ser prontamente identificada por um dermatologista e acompanhada por um podólogo.

Devido a característica infecciosa ela deve ser tratada adequadamente a fim de se evitar sua disseminação para outras partes do corpo ou contaminação de outras pessoas.

O tratamento para olho de peixe no pé é feito com medicamento prescrito pelo médico e palmilhas especiais que venham a minimizar as dores e desconforto causado pela infecção. Existem alguns procedimentos que podem ser tomados para fazer a escarificação e curativo do local. Usa-se vaselina líquida na região ao redor do ferimento, após a curetagem pequena quantidade de ácido pode ser aplicada a lesão que agirá entre 3 e 4 minutos. Após isso é só lavar com soro fisiológico e fazer um curativo simples. Esse procedimento deve ser feito por pelo menos 3 meses ou até a pele ser reconstituída novamente.

Durante o tratamento do olho de peixe é importante que o paciente se mantenha longe de piscinas, banheiros públicos e clubes para evitar a contaminação de outras pessoas. Medidas preventivas como utilizar roupas de banho, meias e calçados exclusivos também devem ser tomadas.

Para evitar o Olho de Peixe no pé, é necessário ter sempre a preocupação de andar calçado e sempre fazer a higienização das mãos e pés com todo cuidado. A pele toda precisa ser sempre muito bem higienizada, mas algumas pessoas frequentemente esquecem de fazer a limpeza nas regiões mais extremas do corpo, como é o caso dos pés.

Crianças devem ter cuidados redobrados, pois estas gostam de brincar descalças e esse é um dos grandes perigos, porque além de possibilitar o risco de contaminação por vírus e bactérias ainda podem ter contato com diferentes formas de contaminação.

Lembrando que, sempre que surgir qualquer tipo de doença seu médico deverá ser consultado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *